Hoje lá no canal eu ensinei a fazer um bolo de laranja vegano e sem açúcar. Isso porque no video de terça eu falei sobre o mal que o açúcar faz e dei 3 razões para nós adiarmos ao máximo a introdução dele na vida dos nossos pequenos. Mas falar tudo isso e não mostrar que é possível sim oferecer coisas gostosinhas para eles é sacanagem hahahaha

Quando eu fui fazer o Smash the Cake da Tina eu pesquisei muito para achar um bolo sem açúcar, mas foi quase impossível! Então eu resolvi improvisar e fazer um bolo eu mesma com a receita que eu achei na internet, eu tive apenas que tirar o açúcar do bolo rs…

A receita original é de um canal chamado Presunto Vegetariano, que por sinal vale muito a pena a visita já que eles ensinam muitas coisas gostosas para quem não come carne ou nada de origem animal. No meu caso eu apenas não como a carne, mas vale para tirar receitinhas gostosas para a Tina e também para toda a família.

Acompanhe aqui no video como é fácil de fazer 😉

Eu não sei muito bem aonde vou registrar este diário de uma mãe, se aqui no Blog ou lá no Youtube hahahaha. Na minha cabeça eu ainda estou tentando entender o que quero ter em um lugar e o que quero ter no outro, mas acho que estou chegando a uma conclusão e vou explicar.

Quando eu preciso saber de algum assunto específico vou sempre para o Youtube, mas quando quero saber de histórias, ler referências, acompanhar experiência eu sempre prefiro ler e vou direto para os blogs. Assim sendo meu povo eu acho que vou centralizar aqui meus sentimentos hahahahaha

Então vamos lá, o que foram estes quatro meses como mãe em período integral e dona de casa (sem casa agora)?

É estranho falar, mas a verdade é que eu não estou sentindo nenhum pouquinho de falta de ter uma mesa, um telefone e usar salto alto todos os dias.

Quando eu resolvi sair do trabalho para cuidar da Tina eu estava bem perdida no que queria como profissional e também em relação as coisas que eu queria e gostava e foi exatamente por isso que eu resolvi fazer a lista dos 30 antes dos 30. Com toda está mudança de parar de trabalhar e resolver sair do pais, para ter mais qualidade em família, muitas coisas foram se ajustando e eu percebi que: educar a Valentina realmente é uma das coisas que eu mais gosto de fazer. Eu tenho prazer em fazer pesquisas e conhecer cada vez mais este mundo. Fazer videos para o Youtube e escrever no Blog me completaram profissionalmente como eu nunca imaginei antes. A realidade de trabalhar de casa e poder cuidar da minha filha e família nunca esteve tão perto e tão longe ao mesmo tempo rs…

Este mês de junho estávamos nos Estados Unidos e passamos ótimos dias por lá, foi nosso primeiro destino e conseguimos confirmar que estamos no caminho certo e que mesmo com as dificuldades Deus está a frente e vai nos capacitar a dar os próximos passos.

Nós aproveitamos muito o calor e foi inacreditável ver como a Valentina gosta de piscina e como isso de alguma maneira está nela, acho que ela vai ser uma ótima nadadora hahahahaha sério, não é normal! Ela está nadando e quando eu digo nadando eu quero dizer nadando mesmo. Sem boia, sem ninguém segurando… ela se joga na piscina, de costas, de lado, de frente e de todas as formas que ela conseguiu testar. Acho que isso compensa o fato de ela não gostar nenhum um pouco de aventuras em escorregadores e balanços hahahaha.

A parte difícil sem dúvida nenhuma é ficar sem ter uma casa, sem ter o futuro todo certinho escrito em papel (sim eu fazia isso, era super controladora do futuro). Por exemplo, eu pensava em ter um segundo filho quando a Valentina fizesse 2 anos, mas agora isto está fora de cogitação e eu não consigo fazer planos para isso porque os nossos próximos 6 meses ou 1 ano estão fora de planos perfeitos e super controlados. Estamos nas mãos de Deus e seguindo passo por passo!

Acho que consegui resumir bem este quarto mês rs…. Ahhhhh eu preciso dizer também que o ajuste de fuso na Tina aqui no Brasil está sendo bem difícil!!!! Minha nossa!!! Pensando em novas táticas para não ser sempre assim em todas as viagens.

Nosso próximo destino provavelmente será a Itália e deve ser já em agosto.

Um beijo enorme!

IMG_6780 IMG_5996 IMG_6821 IMG_7112 IMG_7066

A educação de um filho é uma coisa que demanda tempo, paciência e 200% da sua presença integral. Quando eu falo presença integral eu não estou querendo dizer que você precisa ficar com o seu filho o dia inteiro, o que eu quero dizer é que quando se educa é preciso estar de verdade empenhado, deixe o celular de lado, pare um pouco sua atividade, lembre que seu filho (não importa a idade) é um ser humano como você e precisa que as coisas sejam ditas pois ele é capaz de entende-las.

Achar que uma criança de 1 ano, por exemplo, não é capaz de entender que os brinquedos devem ser guardados no lugar certo após a brincadeira acabar é se enganar por completo. Pense assim, quando você está aprendendo uma nova língua você não consegue entender tudo, você escuta uma frase 1 vez e não faz o menor sentido, você escuta esta frase em um outro momento e se lembra que ela já foi dita antes na mesma circustância e quando você escutar pela terceira vez é muito provável que irá finalmente entender o que significa e o que você deve fazer. Com as crianças as cosas acontecem de uma forma bem parecida, ela pode não entender na primeira vez mas ela vai entender na terceira ou quarta.

E é por isso que eu defendo muito a comunicação entre pais e filhos desde o nascimento! Você cria um hábito de explicar, de dizer para o seu filho como as coisas aqui do lado de fora estão acontecem e conforme ele vai crescendo ele já entendeu que você sempre está dizendo alguma coisa muito importante para ele e quando ele estiver na idade de reagir as suas explicações isso vai acontecer e será muito mais fácil educar.

Seu filho não vai saber que não é uma boa ideia bater em alguém quando ele fica bravo se você não explicar para ele assim que ele tiver esta atitude e mostrar em seguida o que ele deve fazer quando esta situação acontecer novamente. É possível que ele volte a fazer isso mais algumas vezes, mas o importante é você lembrar que comunicação gera comunicação e que ele está aprendendo a lidar com as emoções e só você pode ajuda-lo. Se você achar que seu filho de 1 ano é muito novo para entender o que você fala como é que ele vai saber como agir quando passar por uma situação nova?

Por isso desenvolva a comunicação na educação do seu filho! Quando ele fizer alguma coisa que você desaprova, abaixe perto dele, peça para ele respirar e se acalmar para você poder falar e explique de forma simples o que está acontecendo e o que a criança deve fazer. Se ela bateu, por exemplo, diga que você não quer que ela faça isso, que ela não gostaria que alguém batesse nela e faça ela pedir desculpas.

Mas eu preciso lembrar que em muitos momentos nós acabamos ficando estressadas, as vezes eles nos testam e nos tiram do nosso centro de mãe perfeita que quer fazer tudo direto (ninguém é perfeito né minha gente) e neste momento quem precisa respirar somos nós mesmas hahahaha Não corrija o seu filho quando estiver nesta situação, nestes momento acabamos ensinando sem o amor e a paciência que é necessária.

E é por todas estas razões que educar é ter paciência e escolher ter um filho precisa vir junto com este entendimento. Não é fácil e as vezes queremos ir pelo caminho mais fácil (eu admito), mas ir pelo caminho mais fácil nos primeiros anos, ou mesmo depois, da criança significa empurrar o problema mais para frente e deixar ele crescer de forma que pode se tornar insustentável e irreversível muito a frente.

Por favor, não deixe de compartilhar este texto se ele te ajudou a ter forças para continuar esta tarefa linda, gostosa e ao mesmo tempo tão difícil que é educar um filho. Outras mães e pais precisam saber que a comunicação é uma das coisas mais importantes que se pode fazer na educação de um filho.

O que eu uso para me orientar na educação?

Livros:

Orientação da criança por Ellen White
https://www.cpb.com.br/produto/detalhe/5886/orientacao-da-crianca—encadernado
Educando meninas
http://www.buscape.com.br/educando-meninas-james-dobson-8573256974

Artigos, sites e blogs:
http://esperanca.com.br/2009/10/04/educando-filhos-2/
http://www.maemequer.pt/desenvolvimento-infantil/desenvolvimento-fase-a-fase/desenvolvimento/estrategias-de-comunicacao-com-as-criancas/

E claro você pode também dar uma olhada no video que eu fiz sobre o tema 😉 aproveita para se inscrever no canal 😀

Me falem aqui o que vocês fazem por aí?
Um beijo enorme!

 

Oi minha gente!
O assunto de hoje é importante e pode salvar uma vida, então já logo de cara eu quero pedir para que se este post fez algum sentido para você não deixe de compartilhar pois é provável que existam muitas outras mães e pais carentes de informação sobre este assunto.

Quando a Valentina estava para fazer um ano nós começamos a nos perguntar: Quando é a hora de virar a cadeirinha do carro para frente? Como estávamos programando uma visita para os pais do Welison nos Estados Unidos achamos que seria o momento ideal para trocar, assim poderíamos trazer de lá e economizar algum dinheiro.

Eu, como sempre, antes de tomar uma decisão fui pesquisar e ler as diferentes opiniões sobre o assunto. Acontece que quanto mais eu lia, mais eu percebia que a informação que tínhamos sobre este assunto era nada perto do que eu deveria saber antes de fazer uma mudança tão importante como esta.

Então vamos começar pelo que a lei nos diz! Por lei a criança deve andar no bebê conforto (virada para trás) até 1 ano de idade e claro que respeitando os limites de peso e medida, mas vamos falar disso mais para frente. Acontece que muitos outros artigos brasileiros e estrangeiros defendem que a criança deve ficar virada para trás até pelo menos os 2 anos de idade.

A razão deste precioso conselho é porque o corpo da criança não pode suportar grandes impactos e a possibilidade de sofrer um trauma na vértebra é enorme, o pescoço ainda não é seguro o suficiente para aguentar. A diferença do impacto causado na cadeirinha virada para frente é muito maior do que o contrário como é possível ver no vídeo abaixo que achei em um blog chamado Mamãe Tagarela quando fazia as minhas pesquisas.

Em alguns países, como a Suécia, a lei determina que as crianças andem virada para trás até os 4 anos de idade e a menor taxa de mortalidade nas estradas entre crianças de até 6 anos é deles. Leia também se puder o artigo da Folha que fala sobre este assunto e muitos detalhes importantes.

Depois de toda esta informação decidimos que esperaríamos pelo menos até que a Tina completasse 2 anos de idade e conseguimos quase fazer isso. Ela fará 2 anos agora em julho e andou pela primeira vez um uma cadeirinha virada para frente agora no mês de junho quando chegamos aqui nos Estados Unidos.

Para ser muito sincera eu gostaria que ela continuasse para trás ainda por um tempo, mas não temos esta opção no momento porque a cadeirinha já estava aqui, nos Estados Unidos, quando chegamos.

Agora vem a parte importante para que você não sofra quando a hora chegar rs… Antes de comprar o seu bebê conforto veja qual o peso e medida máxima que ele suporta. Desta forma você consegue comprar um que possa usar durante mais tempo virado para trás.

Eu sei que muitas mães reclamam porque fica muito apertado para as perninhas da criança e é compreensivo, mas é por isso mesmo que antes de comprar seu bebê conforto você deve olhar todas as possibilidades! O da Tina era mais alto e por isso conseguíamos de forma que ela não ficava apertada.

E se o problema for dinheiro, porque eu entendo de verdade que as vezes este tipo de cadeirinha pode custar mais do que podemos pagar, vale então lembrar que sempre é possível optar por uma cadeirinha semi-nova. Eu não tenho problema com isso e muito pelo contrário acho valido quebrarmos este costume de que sempre temos que comprar o mais caro, o mais novo etc. NÃO ! Você precisa de um item que funcione bem e isso não pode fazer com que você compre um que não atenda a segurança do seu filho só porque a sociedade diz que você tem que ter um novo. Nossa, acho que foi um desabafo kkkkkk

E para as mamães já estão com bebê conforto comprado e as perninhas já estão apertadinhas, tentem vender para comprar um outro que você possa usar ainda virado para trás.

Por fim queridas mamães e papais, pensem nisso e vejam a melhor forma para garantir a segurança do seu filho e da sua família.

Eu espero ter ajudado muitas pessoas com este texto 😉

Esta era a cadeirinha da Tina

1916975_951829724891280_1971074334114635549_n

Como eu falei no video que postei no canal, o nosso destino de sábado me fez achar que eu estava em um filme adolescente Americano hahaahahahaha

Foi um dia realmente muito agradável, o lugar tem muita natureza, muitos pássaros cantando e um clima muito bom. Estava quente, mas não tão quente quanto em Chandler que fez 47 graus no domingo e fritou nossa cabeça 😀

Prescott fica a mais ou menos 2 horas e meia de Phoenix e não é uma cidade muito grande, mas tem uma beleza única. Eu não tive a oportunidade de visitar muito mais além do acampamento, mas fui fuxicar no google e fiquei encantada com o que vi. Lá no acampamento me disseram que o centro da cidade é lindo e vale muito a pena ir de noite visitar as lojinhas. Fiquei muuuuuito curiosa para conhecer uma dessas lojas que vende absolutamente tudo de lavanda, de cheiro para casa a creme para o corpo. Vai ficar na minha lista!

Como fazemos sempre, aproveitamos o lugar para tirar muitas fotos e gravar alguns vídeos da nossa família. A experiência de escrever aqui e editar videos para o Youtube tem me dado a oportunidade de ter um registro incrível de sensações e momentos que eu não conseguiria de outra forma.

Eu tenho amado tanto fazer isso como nunca imaginei um dia! Ontem eu fui dormir as 3:00 para conseguir terminar de editar o video de hoje, mas quando olho o resultado final não me importo. Conseguir materializar de alguma forma esta nossa nova fase não tem preço. Até agora o saldo de tudo isso é mais que positivo e cada vez que eu termino de escrever ou postar um video eu passo por cima das dificuldades que esta mudança causa porque eu posso ver o benefício sobressair a tudo.

E continuemos então hahahaha a jornada é longa 😉

O homem da família só quis ser filmado hahaha então você pode tbm ver o video deste dia que está muito legal aqui no meu canal.

 

IMG_6728

IMG_6749

IMG_6758

IMG_6780

IMG_6789

Quem me acompanha lá no Youtube sabe que hoje eu postei um vídeo do nosso dia em um parque. Eu quero dividir com vocês aqui mais detalhes do parque e colocar a receitinha do sorvete vegano que eu fiz para a Tina.

A Tina não está muito bem, teve febre e descobrimos que ela está com estomatite. A noite de hoje foi bem dura mais uma vez, mas parece que ela já está melhor, nã teve mais febre graças a Deus. E isso me fez pensar e anotar no caderninho de coisas a fazer que eu tenho que procurar um seguro viagem bom ou algum plano de saúde que atenda fora do Brasil. Claro, se isso for possível! Depois eu conto o que fizemos e como resolvemos este “problema”.

Mas vamos falar do parque que é o que importa hahahahaha o nome do parque é Desert Breeze e ele é simplesmente lindo de morrer geeente! Ele tem “tendas” separadas com mesas e churrasqueira, então mesmo com muito calor é possível ficar lá durante o dia, fazer um café da manhã, um lanche da tarde ou até mesmo um “jantar” já que durante esta época do ano o por-de-sol é tarde e o tempo é bem agradável.

Eles tem um trem que faz um passeio pelo parque, nós não fomos ainda e parece que ele vai ficar aberto só até domingo. Não sei se vamos conseguir, mas deve ser muito legal. Existe também um espaço MARAVILHOSO para as crianças brincarem com água que eles chamam de City Splash Pad que fica aberto das 10:00 as 18:00. Tem vários bichos que jogam água pela boca, jatos de água que saem do chão e ahhhh o chão…. é tipo de borracha hahahaha é uma delícia, as crianças não se machucam e na verdade elas se atiram no chão kkkk

Como eu mostrei no Snapchat (tamires.heredia) a Tina ficou com um pouco de medo, mas depois brincou, sempre alerta para correr quando o jato ficasse muito forte hahahaha ela dava no pé!

Como eu já sabia que nós não ficaríamos muito tempo eu levei uma atividade de pintura para a Tina e para comer levei só um sorvete muitíssimo do bom  que eu fiz. Ele é vegano e é uma ótima forma de oferecer novos alimentos para o seu pequeno de uma forma gostosa e divertida.

A receita é muito simples:

1 Inhame
4 morangos
5 Framboesas
1 banana

Bata tudo no liquidificador e coloque em forminhas para sorvete. Não demora nem 4 horas para ficar durinho e você já vai poder servir para os seus pequenos. Eu coloquei pedaços de amora e banana no meio, mas é claro que você pode sempre fazer a variação que quiser dos ingredientes, a única coisa que tem que ficar é o inhame porque é ele que deixa bem cremoso.

Na hora de ir embora eu voltei dirigindo e foi a primeira vez que eu dirigi desde que chegamos aqui. Não é difícil dirigir aqui, mas no começo da um medo porque é tão organizado que você tem medo de não entender a organização deles kkkkkk

E se você ainda não viu o video de como foi o nosso dia não deixe de conferir e claro se inscreva no canal para acompanhar as nossa aventuras 😉

Não sei se todos sabem, mas o Welison tem um irmão que tem uma filha que é 1 mês mais velha que a Tina. Vir para os Estados Unidos agora foi também para poder fazer este encontro lindo com todo mundo e principalmente entre as primas. Então para vocês entenderem melhor, os pais do Welison moram nos Estados Unidos (Phoeniz – AZ), o irmão dele mora em Londres e nós por enquanto somos ciganos hahahaha

Como elas fazem aniversário bem perto, a mãe do Welison queria muito fazer uma festinha para elas aqui, e vou contar para vocês como foi, quanto custam os itens de decoração por aqui e o que fizemos.

Para começar eu preciso dizer que fazer uma festinha aqui muito legal não tem um custo muito alto e as opções são infinitas! É impressionante a quantidade de coisas e lojas especializadas no assunto festa por aqui. Você acha coisas de $1,00 em diante e pode escolher fazer uma festa muito bem decorada com pouco ou gastar um pouco mais e fazer uma super festa.

Só para terem uma ideia em 2014 o irmão do Welison casou aqui e não gastou mais de $2.000,00 ( aproximadamente R$7.000,00) para fazer um festa que foi linda, linda e linda e este valor você pode incluir tudo, de decoração a comida.

Nós decidimos que o tema do aniversário seria de abelinha e fomos em 3 lojas para achar tudo o que precisávamos: Dollar Tree (assista o vídeo que eu falo sobre o Dollar Tree e outros), Party City e Michaels.

No Dollar Tree você acha de tudo, não consegue achar muita variedade de coisas para festa mas é possível comprar e criar muitas coisas com os itens que eles vendem lá. Se você vai passar pelos Estados Unidos não deixe de visitar esta loja!

A Party City é aquela loja que enlouquece qualquer pessoa, até mesmo as que não ligam muito para a decoração e é perfeito para quem não gosta de ficar criando muito coisa porque eles já vendem tudo pronto. Você encontra de absolutamente tudo para uma festa de aniversário, festa de casamento, chá de bebê, batizado e tudo o que você pensar por aí é possível achar lá. Se você está nos Estados Unidos para fazer um enxoval, por exemplo, vale muito a pena ir lá e levar algumas coisinhas para o seu chá de bebê. Ano passado eu levei muitas coisas para o aniversário de um ano da Tina.

Já na Michaels você encontra de tudo para montar você mesmo e coisas lindas de decoração como quadros, cestos e MUITAS outras coisas. Ano passo eu comprei a maior parte das coisas da festa da Tina em uma loja chamada Hobby & Lobby que é muito parecida com a Michaels. Estas são as minhas lojas favoritas por aqui para decoração de festa e de casa também!

No total para a decoração acho que gastamos (os pais do Welison na verdade rs) uns $100,00 e para as comidinhas não mais que $100,00 porque a minha sogra fez salgadinhos, nós fizemos os docinhos e o bolo a tia do Welison decorou.

Foi muito agradável e estava tudo uma delícia e o mais importante foi poder ter registrado este momento das meninas juntas. Está sendo impressionante conviver com as duas juntas todos os dias, parece que elas já se viam todos os dias desde quando nasceram porque não se largam um segundo, acordam chamando o nome uma da outra e claro… brigam as vezes também rs…

Minha gente eu preciso lembrar aqui que casa de ferreiro o espeto é do que? Então apesar do maridinho ser fotógrafo ele não fotografou hahahahah mas vou colocar aqui as fotos que nós temos da festa e talvez não mostre exatamente tudo o que tinha, mas é só para vocês verem como foi.

Esta bandeja custou $1,00 e vinha com 4, foi perfeito para colocarmos em todas as mesas com as casquinhas (como eles chamam aqui rs) e a salsa.
IMG_6522

O bolo feito pela tia do Welison, eu amei!!!!

IMG_6510

Nas mesas nós colocamos um pote de vidro (que minha sogra já tinha) com chocolates e compramos esse arame com uns pelinhos que eu não sei o nome preto hahahaha para fazer a anteninha da abelinha e com a flor embaixo.

IMG_6519

E as meninas 😀 😀

IMG_6553

Obrigada por estarem sempre aqui 😉

Gente, o último vídeo gerou uma grande quantidade de perguntas de como nós fizemos, se tínhamos dinheiro guardado etc…

Eu gravei este vídeo para responder, mas já adianto que você pode deixar a sua pergunta aqui caso queira saber o detalhes de mais alguma coisa.

Eu falo sobre o curso que fizemos para entender melhor as possibilidade de morar nos Estados Unidos e você pode achar este curso, caso seja do seu interesse, no site www.katedra.com .

Um beijo enorme!

 

A minha lista de 30 antes dos 30 começou a bombar hahahahaha acho que eu entendi finalmente o que tenho que fazer para descobrir dentro de mim as minhas necessidade e as coisas que me agradam de verdade.

Ok, então isso certamente quer dizer que estou indo bem na busca de redescobrir quem é a Tamires depois de casar, depois de ser formada, depois de ser profissional e ser mãe…. depois de me perder em tudo o que era bom para as outras pessoas e me esquecer que eu também sou uma pessoa e posso ter vontades e viver :)

E durante todo este processo eu me deparei com a inevitável busca por uma vida mais saudável e um corpo melhor. Isso é uma realidade muito mais viva na vida das mães, isso porque depois que nos temos filhos ficamos muito preocupada e por vezes infelizes com nossos corpos.

Eu voltei todo o meu peso de antes da gravidez e cheguei a ficar até mais magra que antes, mas gente… sejamos sinceros e é impossível um corpo sofrer tantas alterações e voltar a ser como antes. Depois que a Valentina nasceu eu não fiquei insatisfeita com o meu corpo, mas também não fiquei suuuper feliz. Eu queria ficar mais firme, se é que vocês me entendem rss.

Cada hora eu começava a fazer algum tipo de exercício e depois que eu voltei a trabalhar isso ficou IMPOSSÍVEL e eu desanimei. Quando eu sai do trabalho combinei comigo mesma que seria diferente e eu iria fazer exercícios todos os dias, iria me policiar e blá, blá, blá. Acontece que eu percebi que enquanto eu não tomasse uma decisão definitiva e escolhesse uma única coisa para fazer (e fazer, claro), nada ia mudar e eu ia continuar me frustando dia após dia.

Como este era um dos ítens da minha lista de 30 antes dos 30 eu resolvi me empenhar e decidir o que era melhor. Bom, para encurtar eu procurei saber sobre o programa Mamãe sarada, por indicação de uma amiga, e gostei do que vi e por isso resolvi me empenhar neste programa. Eu sei que vocês estão esperando que eu coloque aqui embaixo uma foto de antes e depois com a mudança maravilhoso que esse programa casou em mim. Maaaaas, eu acabei de começar hahahaha e sei que desta vez vai ser diferente.

O post de hoje é para falar para vocês mamães e mulheres que estão insatisfeitas com seus corpos que não existe outra saída a não ser parar de se sabotar. A mudança não vem sozinha e é preciso se comprometer com vocês mesmas, deixar as possíveis desculpas de lado procurar dentre de nós mesmas qual a mudança maravilhosa que esta escolha pode nos causar.

Sair da zona de conforto é muito difícil, e seja falando sobre peso, corpo ou qualquer outra dificuldade que você tenha na vida. Mas é pior ainda viver na zona de conforto tento que lidar com todas as outras frustrações que ela nos causa!

Eu comecei e vou atualizar vocês depois, mas digo desde já que esta escolha me animou para sair de muitas áreas de conforto da minha vida.

Um beijo grande

IMG_8643

Estamos ainda tentando ajustar as coisas e fazer com que não se pareça com férias eternas. No vídeo de hoje lá do canal eu divido com vocês o que compramos no Walmart para atividades com a Tina e coisas para facilitar o ajuste de tudo isso.

Eu espero que vocês gostem e lembrem de deixar aqui perguntas que vocês queiram saber sobre toda esta nossa mudança.